Campo Grande, Segunda-Feira , 19 de Fevereiro - 2018


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br

Posts com a tag: salvador

Léo Santana, cantor do hit 'Vai dar PT', que empolgou a senadora Gleisi Hoffman

Postado por , 12 Fevereiro 2018 às 10:15 - em: Principal

"Reconhecimento da boa administração do governo do PT na Bahia...", escreveu a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), ao reproduziu no Twitter no fim de semana notícia do site bahia.ba intitulada "Leo Santana puxa 'Vai dar PT' após cumprimentar Rui no Campo Grande", sobre encontro do cantor Léo Santana e o governador da Bahia, Rui Costa dos Santos (PT), na abertura do carnaval de Salvador na quinta feira. Acontece que, na gíria, "PT" significa "Perda Total". A letra da música cantada por Leo Santana fala de uma jovem que vai para um baile "afim de se envolver" e deixa isso claro: 
 
 
O site (leia aqui) diz que Léo Santana teria convidado o governador para subir no trio elétrico. Rui Costa retribuiu a saudação, mas pelo jeito não se encantou pelo hit “Vai dar PT” do pagodeiro, pois ficou no camarote do governo.
 

Gleisi cometeu gafe semelhante em janeiro. Reproduziu no Twitter foto de uma faixa da torcida do Bayern de Munique, onde estava escrito "Forza Luca", em homenagem a um torcedor em coma, após briga de torcidas, e escreveu "Forza Lula", dizendo que os europeus estariam homenageando o ex-presidente petista (leia aqui). Irritada quando o site paranaense Gazeta do Povo divulgou sua bola fora, a senadora chutou de bico: "Sacanagem é esse tabloide virtual de quinta categoria ficar sacaneando".




Geddel e Gustavo Ferraz foram presos hoje em Salvador: as digitais dos dois estavam na dinheirama apreendida pela PF

Postado por Marco Eusébio , 08 Setembro 2017 às 12:00 - em: Principal

Três dias depois de agentes federais encontarem R$ 51 milhões em malas e caixas em um apartamento cedido ao ex-ministro na capital baiana, na maior apreensão de dinheiro vivo já feita no Brasil, o ex-ministro Geddel Vieira Lima, que cumpria prisão domiciliar, voltou a ser preso preventivamente hoje pela Polícia Federal em Salvador para evitar sua fuga e destruição de provas, em nova etapa da Operação Tesouro Perdido, decorrente da Cui Bono que investiga fraudes na Caixa Econômica Federal. A perícia encontrou no dinheiro digitais de Geddel e de Gustavo Ferraz, coordenador-geral de Defesa Civil do município, que foi exonerado do cargo pela Prefeitura de Salvador após a prisão.