Campo Grande, Segunda-Feira , 22 de Maio - 2017


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br

Posts com a tag: propina

Collor levou R$ 800, bem mais do que Renan

Postado por Marco Eusébio , 12 Abril 2017 às 17:30 - em: Principal

Por Gabriel Mascarenhas no blog Radar da Veja:
 
"Renan Calheiros chiou quando a Odebrecht ofereceu-lhe 500 000 reais em 2010. Ele achou que era pouco. De certa forma, tinha razão. Naquele mesmo ano, seu conterrâneo, o histórico Fernando Collor embolsou 800 000 reais. Mas o líder do PMDB não tem do que reclamar. Em outras transações espúrias, ele recebeu milhões da Odebrecht nos últimos anos."
 



Bolsonaro: críticas só contra partidos dos outros

Postado por Marco Eusébio , 17 Abril 2017 às 13:15 - em: Principal

Do blog do Lauro Jardim em O Globo:
 
"Jair Bolsonaro falou grosso contra meia dúzia de partidos e adversários citados na delação da Odebrecht mas se calou sobre as acusações contra o presidente de seu partido, Pastor Everaldo, candidato em 2014. Em 2014, quando Bolsonaro o apoiou, Everaldo teria recebido propina para ajudar Aécio Neves no debate da TV Globo."



Fernando Giacobo (PR-PR), o curioso

Postado por Marco Eusébio , 17 Abril 2017 às 15:30 - em: Principal

Por Gabriel Mascarenhas no blog Radar da Veja:
 
"Pouco antes da aprovação do projeto que regulamentou o uso de aplicativos de transporte particular, o deputado Giacobo estava curiosíssimo para saber se a Uber vinha pagando propina a deputados dispostos a votar conforme os interesses da empresa. A excelência, do PR paranaense, foi informada pelos colegas com quem conversou que não houve distribuição de agrados."
 



Pedindo de dinheiro feito por Aécio foi gravado por Joesley e entregue à Lava Jato

Postado por Marco Eusébio , 17 Maio 2017 às 19:30 - em: Principal

Além de Michel Temer, o senador Aécio Neves (MG), foi gravado pedindo R$ 2 milhões a Joesley Batista, conforme delação do dono da JBS à Lava Jato, diz o jornal O Globo. O dinheiro foi entregue a um primo do presidente do PSDB, numa cena filmada pela Polícia Federal. A PF rastreou o caminho dos reais. Descobriu que eles foram depositados numa empresa do senador Zeze Perrella (PSDB-MG).




Aécio Neves: denúncia de Joesley vai bem além do recente pedido de R$ 2 milhões

Postado por Marco Eusébio , 19 Maio 2017 às 09:00 - em: Principal

Por Guilherme Amado no blog do Lauro Jardim em O Globo:
 
"A delação de Joesley Batista tem outros trechos devastadores para Aécio Neves, além da gravação em que Aécio pede R$ 2 milhões. Joesley revela que pagou propina de cerca de R$ 60 milhões em 2014 para Aécio, por meio da emissão de notas fiscais frias a diversas empresas. O dono da JBS também revela que comprou o apoio de partidos políticos para apoiar Aécio a presidente."



Ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff: 'contas eram operadas por Mantega', diz Joesley Batista

Postado por Marco Eusébio , 19 Maio 2017 às 13:45 - em: Principal




Diretoria da OAB-MS vai protocolar pedido ao Supremo na segunda-feira

Postado por Marco Eusébio , 20 Maio 2017 às 13:45 - em: Principal

Um dia depois da quebra de sigilo e divulgação de vídeo de depoimento de Wesley Batista à Lava Jato, revelando pagamento de propina a governadores de Mato Grosso do Sul para obter benefícios fiscais aos frigoríficos JBS no estado, num esquema que teria sido iniciado na gestão do ex-governador Zeca do PT, mantido nos mandatos de André Puccinelli (PMDB) e chegado à gestão do atual governador Reinaldo Azambuja (PSDB), a Seccional estadual da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MS) anunciou hoje que vai pedir oficialmente ao relator da Lava Jato no Supremo, ministro Edson Fachin, acesso integral aos documentos oficiais dos processos relativos ao Estado. O pedido será protocolado na próxima segunda-feira no Supremo, diz a diretoria da OAB-MS em nota divulgada neste sábado (leia aqui a íntegra) frisando que a instituição "reitera seu compromisso irrestrito de defender a Constituição e a ordem jurídica, tomando todas as medidas necessárias para atingir suas finalidades institucionais".




Azambuja vai receber jornalistas hoje na Governadoria para falar sobre denúncias de Wesley Batista

Postado por Marco Eusébio , 22 Maio 2017 às 11:00 - em: Principal

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) convocou hoje a imprensa para falar sobre as declarações do empresário Wesley Batista, do JBS, que em delação à Lava Jato, denunciou suposto esquema de propina paga a governantes de Mato Grosso do Sul para obter benefícios fiscais iniciado na época de Zeca do PT, mantido na de André Puccinelli (PMDB) e chegado à sua gestão. A coletiva será a partir das 16h na Governadoria. Reinaldo tem afirmando concessões fiscais em sua gestão foram feitas visando atrair empresas e a geração de empregos.