Campo Grande, Segunda-Feira , 22 de Maio - 2017


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br

Posts com a tag: policia-federal

PF alegou motivos de segurança para Moro adiar ida de Lula a Curitiba

Postado por Marco Eusébio , 24 Abril 2017 às 13:20 - em: Principal

O juiz Sérgio Moro adiou o depoimento do ex-presidente Lula à Lava Jato em Curitiba que ocorreria no dia 3 e deve ser remarcado para 10 de maio. A medida atende pedido da Polícia Federal, que alegou precisar de mais tempo para organizar a segurança no local e que o feriado de 1º de maio, Dia do Trabalhador, dificultaria a operação, informa a Folha de S.Paulo. No dia do depoimento, o PT junto com sindicatos ligados à CUT e movimentos sociais planejam fazer um grande ato de apoio ao ex-presidente.



Gilmar Mendes e Aécio Neves: pedido tucano atendido

Postado por Marco Eusébio , 26 Abril 2017 às 13:45 - em: Principal


Jucá, Sarney e Renan: assessores na mira da Polícia Federal

Postado por Marco Eusébio , 28 Abril 2017 às 14:15 - em: Principal


Eike Batista deve ganhar liberdade por decisão de Gilmar Mendes

Postado por Marco Eusébio , 28 Abril 2017 às 18:45 - em: Principal

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo, determinou hoje a libertação do empresário Eike Batista, preso desde janeiro pela Operação Eficiência que investiga fraudes em contratos de empresas com o governo do Rio de Janeiro. Na decisão, ainda não divulgada na íntegra, o ministro suspende os efeitos da ordem de prisão preventiva decretada pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio. Pela decisão de Mendes, Eike deverá ser solto se não estiver cumprindo outro mandado de prisão. Caberá ao juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal no Rio de Janeiro, avaliar se o empresário será solto e aplicar medidas cautelares. (Com Agência Brasil)
 



Mais 30 inquéritos foram enviados pelo Supremo à Polícia Federal

Postado por Marco Eusébio , 29 Abril 2017 às 14:00 - em: Principal

"O STF enviou à PF outra leva de 30 inquéritos abertos a partir da delação da Odebrecht. Ou seja, os investigadores já têm material para deflagrar novas operações pelo país", reporta neste sábado o jornalista Gabriel Nascimento no blog Radar, da Veja.




André ao ser levado por policiais federais para colocação de tornozeleira eletrônica em Campo Grande

Postado por Marco Eusébio , 11 Maio 2017 às 11:15 - em: Principal

O ex-governador André Puccinelli (PMDB) foi um dos alvos hoje da quarta fase da operação Lama Asfáltica deflagrada hoje em Campo Grande e em outras cidades de MS e do PR e SP. O ex-governador de Mato Grosso do Sul foi levado à Superintendência da Polícia Federal e depois encaminhado para colocação de tornozeleira eletrônica e está proibido de deixar a cidade por ordem da Justiça Federal, que estipulou fiança de R$ 1 milhão para o ex-governador.
 
"Não estou entendendo essa história da fiança de um R$ 1 milhão se ele não está preso", disse à imprensa o advogado Renê Siufi, afirmando que seu cliente teve os bens bloqueados e não tem como pagar o valor. O advogado André Puccinelli Júnior, filho do ex-governador, de quem a empresa de saneamento Águas Guariroba teria comprado livros jurídicos sem necessidade, também foi ouvido e liberado.
 
Três pessoas são alvo de mandados de prisões preventivas: o ex-secretário adjunto de Fazenda de MS, André Cance Júnior; o dono da Gráfica Alvorada, Mirched Jafar Júnior; e o ex-assessor de André, Mauro Cavalli. A operação investiga desde 2015 desvios de dinheiros públicos em obras em avenidas da Capital e rodovias, no Aquário do Pantanal e compras nas gestões do peemedebista como governador.



Se não houver provas consistentes, André, como Lula, pode ficar mais forte avalia Zeca

Postado por Marco Eusébio , 11 Maio 2017 às 12:30 - em: Principal

O deputado federal Zeca do PT comparou seu principal adversário político André Puccinelli (PMDB) ao seu principal aliado, o ex-presidente Lula, como alvos de investigações da Polícia Federal que, na opinião do ex-governador petista poderão ficar ainda mais fortes políticamente para as eleições estaduais e federais de 2018 caso não haja provas consistentes contra eles.

Ao comentar a nova fase da Operação Lama Asfáltica deflagrada hoje pela Polícia Federal que colocou tornozeleira eletrônica e proibiu o ex-governador de deixar Campo Grande, Zeca disse ao Blog que lamenta a situação. "Penso que devemos ser coerentes. Essa situação é muito ruim para a imagem do Estado". Frisando que faz "luta política, não pessoal", Zeca disse que não comemora a ação contra o adversário.

Zeca do PT comparou a situação de André à de Lula, alvo de denúncias na imprensa originadas na operação Lava Jato, no momento em que ambos são fortes nomes para as eleições de 2018, um para voltar a disputar o governo estadual e o outro para voltar a concorrer à Presidência da República.

"O ônus da prova cabe a quem acusa. A expectativa agora deve ser da apresentação das provas sobre toda a investigação, sob pena de parecer com o que aconteceu na Lava Jato: um monte de indícios e de hipóteses sem nenhuma prova concreta", disse o ex-governador. Para Zeca, se essas provas não existirem, André pode ficar ainda mais forte políticamente, e comparou: "Veja o caso do Lula: é alvo de quatro ou cinco investigações, mas, sem provas suficientes das acusações, ele fica cada vez mais forte".




Lula em depoimento a Moro: pergunta a Duque sobre dinheiro, aponta ciência de desvio - diz delegado

Postado por Marco Eusébio , 11 Maio 2017 às 15:00 - em: Principal

Do blog Radar da Veja:
 
"O delegado licenciado da Polícia Federal Jorge Pontes analisou o depoimento de Lula ao juiz Sergio Moro feito na última quarta (10), em Curitiba. Segundo Pontes, Lula se incriminou ao falar sobre o ex-diretor da Petrobras Renato Duque. Veja abaixo sua interpretação. 
 
'Quando Lula confirma que buscou Renato Duque para apenas pergunta-lo se este mantinha conta no exterior, ele se incrimina totalmente e se descortina apenas como um chefão preocupado com a possível existência de evidências contra o esquema que comandou'.
 
'Se fosse o caso de de fato perguntar alguma coisa, a pergunta a ser feita por um homem sério seria 'o senhor andou desviando dinheiro da Petrobras?''.
 
'Quem pergunta – a um funcionário de uma empresa estatal – se este tem recursos depositados no exterior, já subentende que o interlocutor desviou o dinheiro. Portanto, a pergunta tem embarcada em si o conhecimento dos desvios'.
 
'A preocupação e o interesse de Lula – com essa pergunta – era tão somente do ponto de vista do 'lado investigado'.'
 
'A pergunta não encerrou qualquer traço crítico ou de reprimenda, pelo contrário, mostrou apenas conivência e pré-conhecimento dos desvios!'."



André ao ser levado ontem pela PF para colocar tornozeleira eletrônica conforme ordem judicial

Postado por Marco Eusébio , 12 Maio 2017 às 14:30 - em: Principal

O advogado Renê Siufi pediu à juíza substituta da 3ª Vara Federal de Campo Grande, Monique Marchioli Leite, que reconsidere a fiança de um milhão de reais que ela, embora tenha rejeitado pedido de prisão preventiva feito pela Polícia Federal, estipulou para o ex-governador André Puccinelli (PMDB) que desde ontem está usando tornozeleira eletrônica colocada na quarta fase da operação Lama Asfáltica. "Fiz um pedido de reconsideração, uma vez que foi a própria juíza que determinou o bloqueio de todas as contas do doutor André. Se estão bloqueados mais de dois milhões e à disposição da justiça, ou seja, da 3ª Vara, eu acho que haverá reconsideração, pois o pedido é mais do que razoável", disse há pouco Renê Siufi aqui ao Blog.



André sendo conduzido para colocação de tornozeleira durante a operação na quinta-feira

Postado por Marco Eusébio , 13 Maio 2017 às 14:30 - em: Principal