Campo Grande, Quarta-Feira , 28 de Junho - 2017


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br
O empresário Moacir Kohl, ex-prefeito de Coxim e ex-vice-governador de Mato Grosso do Sul

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 21:15 - em: Principal

Moacir Kohl, ex-prefeito de Coxim que foi vice-governador de Mato Grosso do Sul durante a gestão de Zeca do PT, foi trazido há pouco de avião para Campo Grande onde foi internado em um hospital onde passa por exames. O empresário Moacir Kohl Filho contou ao Blog que seu pai passou mal em Coxim devido a uma queda brusca de pressão e o médico recomendou que ele fosse levado à Capital. Por enquanto não há diagnóstico e os familiares aguardam os exames para saber sobre o estado de saúde de Kohl.




Randolfe protocolou recurso para desarquivamento do seu pedido de cassação do mandato de Aécio Neves

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 19:00 - em: Principal

O senador Ranfolfe Rodrigues (Rede-AP) obteve a assinagura de cinco titulares do Conselho de Ética do Senado conforme prevê o regulamento – do vice-presidente Pedro Chaves (PSC-MS) e de Lasier Martins (PSD-RS), José Pimentel (PT-CE), João Capiberibe (PSB-AP) e Antonio Carlos Valadares (PSB-SE) – e protocolou hoje recurso pedindo o desarquivamento de seu pedido de cassação do mandato de senador de Aécio Neves (PSDB-MG). Além dos cinco titulares, três senadoras suplentes do colegiado também assinam o pedido: Regina Sousa (PT-PI), Ângela Portela (PDT-RR) e Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM). O pedido de cassação de Aécio foi arquivado na sexta-feira pelo presidente do Conselho de Ética, João Alberto (PMDB-MA). Como ele foi internado hoje (leia aqui) com problemas cardíacos, sua assessoria disse ao G1 DF que não há previsão de quando João Alberto vai convocar os 15 titulares do conselho para analisar o pedido protocoloado hoje por Randolfe.




Joesley Batista e a dieta 'sem industrializados' que chamou a atenção de Michel Temer

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 17:30 - em: Principal

Do Lauro Jardim em blog no O Globo:
 
"Os novos trechos que a PF conseguiu degravar da já célebre conversa entre Michel Temer e Joesley Batista no porão do Jaburu traz uma revelação alimentar curiosa. Em resposta ao elogio recebido de Temer ('você está bem de corpo!'), Joesley respondeu que a razão era a sua dieta, em que não comia 'industrializados'. Beleza. Ou seja, nada de produtos Vigor, Seara ou Friboi.



Federação Médica Brasileira acusa prefeitura de falta de habilidade e defende retomada de negociação

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 16:30 - em: Principal

A Federação Médica Brasileira (FMB) divulgou hoje nota de apoio aos médicos da rede pública de Campo Grande em greve desde ontem por reajuste salarial. "Com quase nenhuma habilidade para buscar o entendimento com o Sindicato dos Médicos do Mato Grosso do Sul, o gestor público optou por ameaçar os quase 900 médicos da rede municipal e garantiu na Justiça multa de R$ 10 mil por dia, além  de bloqueio de bens de representante sindical como forma de intimidar o movimento legítimo", diz. Frisando que "nunca apoiará intimidações e situações vexatórias contra qualquer trabalhador" a FMB "repudia todo tipo de conduta que não privilegia o diálogo construtivo e que efetivamente contribua para a melhoria do serviço em saúde no país e insiste na imediata retomada da negociação". Leia aqui a íntegra no PortalFMB.




Temer em pronunciamento nesta tarde partiu para o ataque citando ex-braço direito de Rodrigo Janot

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 15:15 - em: Principal

Michel Temer desqualificou em pronunciamento ao vivo nesta tarde a denúncia contra ele feita por Rodrigo Janot ao Supremo, em que o acusa de corrupção passiva como suposto destinatário da mala com 500 mil reais entregue pela JBS ao ex-deputado Rocha Loures, seu assessor. Ao lado de deputados, senadores aliados e ministros, Temer frisou que é da área jurídica e afirmou que a denúncia não tem embasamento jurídico nem provas concretas contra ele. Ironizando, o presidente afirmou que "reinventaram o código penal e incluiram uma nova categoria: a denúncia por ilação" e exemplificou: "Se alguém cometeu um crime e eu o conheço, ou tirei a foto ao lado de alguém, logo eu sou criminoso". Isso, afirmou, é um "predente perigosíssimo".

 

Para ilustrar, Temer partiu para o ataque citando o procurador Marcelo Müller, ex-assessor de Rodrigo Janot, deixou o Ministério Público "sem quarentena" para assessorar como advogado "empresa que faz delação premiada ao procurador-geral" (a JBS) e ganhou "milhões em poucos meses, o que talvez levaria décadas para poupar". Dizendo que se fizesse ilações, poderia dizer que esses milhões "talvez não fossem unicamente para o procurador de confiança", e emendou: "mas tenho responsabilidade, não farei ilações". Temer criticou em seguida o "senhor grampeador", Joesley Batista, que usou métodos questionáveis para homologar a delação e "conseguir o prêmio da impunidade" e disse que essa denúncia é "uma ficção".

 

Veja o vídeo.




José Sarney foi visitar seu aliado e conterrâneo João Alberto que passou mal e foi levado para o Instituto do Coração

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 14:40 - em: Principal

O senador João Alberto Souza (PMDB-MA), presidente do Conselho de Ética do Senado que arquivou pedidos de cassação do mandato de Aécio Neves (PSDB-MG) alegando que o tucano foi vítima de uma armação de Joesley Batista, passou mal em seu gabinete nesta tarde e levado para exames no Instituto do Coração, em Brasília. "Aliado histórico de João Alberto, o ex-presidente José Sarney, que está na capital federal, foi pro hospital visitá-lo assim que soube da notícia", diz Gabriel Mascarenhas no blog Radar da Veja.




Carlos Marun desqualifica denúncia de Rodrigo Janot contra Michel Temer e afirma que esta será barrada na Câmara

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 13:15 - em: Principal

Um dos principais defensores de Michel Temer na Câmara, o deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS), em mensagem enviada hoje aos seus contatos no WhatsApp, classificou como "uma afronta que vai ser rapidamente arquivada" a denúncia feita ontem por Rodrigo Janot ao Supremo acusando o presidente de corrupção passiva como destinatário da mala de R$ 500 mil repassada pela JBS a Rocha Loures. Para que a denúncia virar processo no STF são necessários pelo menos 342 votos dos 513 deputados federais e Temer precisa de ao menos um terço, 172, para que seja rejeitada. Leia a íntegra da mensagem de Marun:
 
"A denúncia é uma afronta que vai ser rapidamente arquivada. Uma chuva de suposições completamente desprovida de provas. Se quisesse acusar o pres de ter se 'apropriado' dos tais R$ 500 mil, o MP deveria ter dado continuidade a 'operação controlada' para ver onde o dinheiro iria parar. No lugar disto interromperam a ação e deixaram no ar uma dúvida da qual tentam se aproveitar agora. É inacreditável  que o PGR, que cruzou todo o petrolão e suas dezenas de delações sem acusar Dilma, se sinta no direito de denunciar o presidente da República, travando um país que precisa de um pouco de estabilidade para crescer, com base em um conjunto probatório tão frágil como este. Na verdade tratar-se de uma ação de autodefesa do procurador, que tenta com isto dar algum sentido ao 'escandaloso' acordo de colaboração premiadíssima que celebrou com Joesley Batista e a quadrilha da JBS. 
 
Um grande abraço a todos!
 
CARLOS MARUN
DEP. FEDERAL"



Avião interceptado em Goias pela FAB em Goiás: investigações sugerem que aeronave estava em nome de 'laranja'

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 11:34 - em: Principal

Por Silvio Navarro no blog Holofote da Veja:
 
"As primeiras investigações sobre o bimotor Piper Aircraft 23 (matrícula PT-IIJ), interceptado no interior de Goiás pela Força Aérea Brasileira com inacreditáveis 653,1 quilos de cocaína, sugerem que a aeronave está registrada em nome de um laranja. Apontado como proprietário do bimotor, Jeison Moreira Souza, de 26 anos, já declarou residência em um bairro de baixa renda em Campo Grande (MS) e num conjunto habitacional popular na cidade de Santa Rosa de Viterbo, na região metropolitana de Ribeirão Preto (SP).
 
Outro detalhe: antes de ser transferida para Jeison em 2014, a aeronave estava registrada em nome do paraguaio Antonio Marques Duartez, morto aos 24 anos num acidente aéreo em Pedro Juan Caballero, na fronteira com o Paraguai. Na ocasião, também morreu a bordo o brasileiro Mário Ney Chaves Pires, um dos alvos da antiga CPI do Narcotráfico, investigado pela Polícia Federal por integrar uma rede que enviava cocaína colombiana para a Europa.
 
O avião tem história."



Leonel Brizola terá parte de sua história contada na versão de ex-secretário que está com 92 anos

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 11:00 - em: Principal

"Aos 92 anos de idade, Jecy Sarmento, secretário do ex-governador Leonel Brizola (1922/2004) por mais de 60 anos, escreve um livro onde conta sobre suas relações com o chefe". (Do blog do Ancelmo Gois em O Globo)




Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 10:15 - em: Principal