Campo Grande, Quarta-Feira , 28 de Junho - 2017


Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br
Pânico de agregados mais atrapalha do que ajuda suposta candidatura regional

Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 09:00 - em: Principal

Apoiadores, loucos para voltar ao poder, estão apelando a qualquer coisa para "anunciar" suposta e inexistente "pré-candidatura" do chefe que não dá um pio neste sentido. Afinal, ao contrário dos agregados, o homem ainda preserva o bom senso. E o tiro dos bajuladores, por sinal, já está saindo pela culatra. O evidente sinal de pânico pegou muito mal.




Postado por Marco Eusébio , 27 Junho 2017 às 08:00 - em: Principal


Dentre os tucanos, João Doria aparece com melhor índice do que seu padrinho político Geraldo Alckmin

Pesquisa Datafolha divulgada hoje pela Folha de S.Paulo sobre intenção de voto para a eleição presidencial de 2018 aponta Lula (PT) na frente com 30%, tendo empatados tecnicamente em segundo lugar Jair Bolsonaro (PSC) com 16% e Marina Silva (Rede) com 15%. Lula, entretanto, também é o campeão em rejeição. Dentre os tucanos, João Doria tem índices melhores em terceiro lugar do que Geraldo Alckmin. Quando citados, o juiz Sérgio Moro disputa o segundo lugar com Marina e Bolsonaro; e o ministro do Supremo, Joaquim Barbosa, aparece empatado tecnicamente em terceiro com Doria e à frente de Alckmin. Depois deles, vem Ciro Gomes (PDT). Os demais citados ficam todos na lanterna. Veja aqui os cenários no site G1.




Temer entrará para a história como primeiro presidente alvo de denúncia criminal e espera apoio de aliados

Postado por Marco Eusébio , 26 Junho 2017 às 17:40 - em: Principal

Da resenha do site Migalhas jurídicas:
 
"A semana começa com a iminente denúncia criminal oferecida contra o presidente da República. O fato, nunca antes ocorrido na história do país, vai minando os meios necessários à permanência de Temer no comando da nau pátria.
 
Os deputados, sem nem saber o teor da acusação, já se adiantam dizendo que vão recusar o libelo. E a recusa política, como sabe o homem de bem, é mais constrangedora do que eventual processo judicial.
 
Apenas para recordar, porque no meio da barafunda as pessoas perdem os parâmetros: o presidente da República recebeu em casa um sujeito, às escondidas. Disse ao interlocutor quem seria seu mandatário. Dias depois o mandatário pegou, tacitamente em nome do mandante, uma mala com 500 mil pilas. Está bom, ou precisa mais?"



Fernando Henrique para Michel Temer: 'só o presidente tem legitimidade para reduzir seu próprio mandato'

Postado por Marco Eusébio , 26 Junho 2017 às 17:00 - em: Principal

Idem, da resenha do Migalhas jurídicas:
 
"Apelando para o bom senso de Temer, FHC sugere hoje, em longo artigo na Folha de S.Paulo, que o presidente saia de mansinho: 'só o presidente tem legitimidade para reduzir o próprio mandato, propondo, por si ou por seus líderes, uma emenda à Constituição que abra espaço para as modificações em causa'. FHC vai além: 'se o ímpeto de reforma política for grande, por que não envolver nela uma alteração do mandato presidencial para cinco anos sem reeleição? E, talvez, discutir a oportunidade de antecipar também as eleições congressuais. Assim se poderia criar um novo clima político no país.'"



Consultório vazio e paciente à espera de atendimento em unidade de saúde municipal de Campo Grande

Postado por Marco Eusébio , 26 Junho 2017 às 15:45 - em: Principal

Em Campo Grande a semana começou com greve dos médicos das unidades de saúde municipais visando pressionar a prefeitura por reajuste salarial. A gestão do prefeito Marquinhos Trad (PSD) obteve liminar judicial para barrar a paralisação, mas o Sinmed-MS alegou não ter sido notificado e deflagrou a operação que deve manter pelo três médicos em cada unidade. O site Midiamax divulgou que hoje pela manhã só um médico estava atendendo no Centro Regional 24h do Bairro Tiradentes. Ou seja, nessa briga quem sempre sai perdendo e ainda tem de pagar a conta é a população.




Ferramenta permitirá que páginas de políticos possam criar até 21 temas fixos para debate com internautas

Postado por Marco Eusébio , 26 Junho 2017 às 14:45 - em: Principal

"O Facebook lançará na terça-feira uma ferramenta para que as páginas de políticos e governos criem até 21 temas fixos para serem debatidos com internautas em suas páginas, a exemplo de Educação e Saúde. O Face quer melhorar a qualidade das discussões na rede", diz Bruno Góes no blog do Lauro Jardim, em O Globo.




Luciano Huck e Amaury Jr. durante leilão beneficente promovido pelo Instituto Neymar Jr.

Postado por Marco Eusébio , 26 Junho 2017 às 13:30 - em: Principal

Indagado sobre sua suposta pretensão de disputar a Presidência da República, Luciano Huck manteve o suspense respondendo a Amaury Jr.: "Não vou fugir da raia no sentido de contribuir e fazer um país mais legal e mais justo". A entrevista ocorreu durante leilão beneficente promovido pelo Instituto Neymar Jr.
 
"O que eu venho falando, e talvez não tenha sido bem compreendido, é que a minha geração tem que ocupar espaço de poder, no sentido de que já está na iniciativa privada e em vários lugares da sociedade civil, mas na política não", afirmou Huck.
 
Amaury Jr. indagou sobre a a previsão de uma vidente que aconselhou Huck a não misturar a vida artística com a pública. Luciano bricou: "Ela ligou pra minha mãe e minha mulher".
 
Como comunicador, Huck se saiu bem como político. Falou bastante, mas no fundo não admitiu nada.
 
Veja aqui o vídeo da Rede TV! UOL.



O ex-governador Wilson Barbosa Martins completou 100 anos no dia 21 e será homenageado hoje pela Assembleia

Postado por Marco Eusébio , 26 Junho 2017 às 12:30 - em: Principal

Nesta segunda-feira o ex-governador Wilson Barbosa Martins que completou 100 anos na quarta-feira (21) será homenageado em sessão solene às 19h30 na Assembleia Legislativa. O evento proposto pelo deputado Eduardo Rocha (PMDB) terá participação da Orquestra Sinfônica de Campo Grande e dos cantores Alzira e Jerry Espíndola.




Pedro Chaves na rádio hoje: 'suspeitas sobre Aécio são extremamente graves e devem ser investigadas'

Postado por Marco Eusébio , 26 Junho 2017 às 11:15 - em: Principal

Na condição de vice-presidente do Conselho de Ética do Senado, o senador Professor Pedro Chaves (PSC-MS) anunciou hoje que vai assinar requerimento a ser apresentado pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) para tentar reverter a decisão do presidente do colegiado João Alberto de Souza (PMDB-MA) que, sem consultar os demais integrantes do conselho, arquivou os pedidos de cassação do mandato do senador Aécio Neves (PSDB-MG) feitos pela Rede e pelo PSOL (leia aqui). "Vamos trabalhar no sentido de reunir as 5 assinaturas dos demais membros do Conselho de Ética, necessárias a abrir a investigação", disse Chaves à Rádio Difusora Pantanal de Campo Grande hoje pela manhã. Para o sul-mato-grossense, as suspeitas sobre Aécio que embasaram decisão do Supremo para afastá-lo do mandato "são extremamente graves e merecem, no mínimo, ser investigadas".