• Campo Grande, Segunda-Feira , 04 de Maio - 2015
ed

Email: marcoeusebio@marcoeusebio.com.br

Imprimir Enviar por email

Brasileira critica Copa do Mundo no Brasil e vídeo vira sucesso internacional no YouTube

  • Reprodução de vídeo

    Brasileira critica Copa do Mundo no Brasil e vídeo vira sucesso internacional no YouTube

Postado por Marco Eusébio , 19 de junho de 2013 às 20:39 - em: Papo de Arquibancada

Incomodada com o fato de o Brasil ser conhecido no exterior por festas, danças, futebol, sexo e bundas grandes, a produtora de fotografia paulista Carla Dauden, de 23 anos, que há cinco mora em Los Angeles (EUA) depois de passar a infância em Florianópolis (SC), resolveu gravar um vídeo intitulado "No, I'm not going to the world cup" ("Não, eu não vou para a Copa do Mundo") que virou sucesso internacional no YouTube. Postado na segunda-feira (17), no terceiro dia o vídeo já beira hoje 1,8 milhão de acessos. "Toda vez que falava que eu era brasileira alguém falava da Copa. Mas ninguém sabia o que estava acontecendo", disse Carla em entrevista à Folha de S.Paulo. "No começo eu gostaria que fosse com mais comédia, também tirando sarro dos americanos [pela falta de conhecimento do que ocorria], mas preferi minimizar para que mais informasse do que agredisse". 
 
NO VÍDEO ela explica alguns dos pontos críticos da Copa, como gastos bilionários, suspeitas de superfaturamento e desapropriações - como o caso da aldeia Maracanã. Também levanta bandeiras comuns aos brasileiros contrários à competição, como usar os recursos para outras prioridades (educação, saúde, segurança), e reclama do discurso político relacionando a Copa com o legado. Ao fim do vídeo aparece Dilma Rousseff em um discurso sobre o legado da Copa sobreposto com imagens que contradizem o que ela diz. Carla negou que fosse uma crítica direta à presidente. "A imagem de Dilma, neste caso, é simbólica, já que ela é a presidente", explica. Ela não votou para presidente em 2010 por já estar morando nos Estados Unidos, mas não quis dizer quem escolheria para ocupar o Planalto, informa a FolhaOnline.
 
Veja aqui o vídeo original da Carla no YouTube.

Comente
  • Compartilhe